quinta-feira, setembro 30, 2010

Alain Delon

Biografia

Alain Delon nasceu na região da Borgonha, próximo a Paris. Quando tinha apenas quatro anos, seus pais, Edith e Fabian, se divorciaram. Delon foi adotado por um casal, mas pouco tempo depois o casal foi assassinado, e Delon retornou para sua mãe verdadeira, agora casada com um outro homem. Neste ponto, tinha uma meia-irmã e dois meio-irmãos. Teve uma infância problemática, sendo expulso de várias escolas. Aos 15 anos parou de estudar e, aos 17 anos alistou-se na marinha francesa, lutando na Indochina.
Em 1956, passou a viver em Paris. Sem dinheiro, trabalhou como porteiro, garçom, vendedor. Em 1957, foi ao Festival de Cannes com o amigo Jean-Claude Brialy, onde chamou a atenção dos presentes pela sua beleza, entre eles David O. Selznick, que lhe ofereceu um contrato, desde que aprendesse a falar inglês. Delon, então, retornou a Paris para aprender inglês, mas lá conheceu o cineasta Yves Allégret, que o convenceu a começar sua carreira na França.
Com ele, Delon fez seu primeiro filme, Uma tal Condessa (Quand la femme s'en mele, 1957). No filme Christine contracenou com a atriz Romy Schneider, e por ela se apaixonou. Em 1959, foram morar juntos, e o relacionamento deles durou cinco anos.
O primeiro grande papel de Delon no cinema foi como Tom Ripley no clássico suspense O Sol por Testemunha (1959), dirigido pelo cineasta francês René Clément, baseado num livro da escritora Patricia Highsmith. Em 1960, Delon atuou em Rocco e Seus Irmãos, dirigido por Luchino Visconti, um dos filmes mais adorados da história do cinema. Ator e diretor tornaram-se amigos e trabalhariam juntos mais uma vez em outro clássico O Leopardo (1963), vencedor da Palma de Ouro no Festival de Cannes.
A beleza física de Delon transformou-o em símbolo sexual dos anos 60 e 70. Apesar disso, sempre lutou para ser reconhecido como um grande ator, e não apenas um rostinho bonito. Em 1962, trabalhou com o cineasta Michelangelo Antonioni, no filme O Eclipse, última parte da célebre trilogia da incomunicabilidade desse diretor. Com o cineasta Jean-Pierre Melville, atuou em filmes como Le samouraï (1967), O Círculo Vermelho (1970) e O Expresso para Bourdeaux (Un flic, 1971). Trabalhou ainda com outros grandes cineastas, como Valerio Zurlini, em A primeira noite de tranqüilidade (1972), Joseph Losey, em Cidadão Klein (1976) e O Assassinato de Trotsky (1972), Jean-Luc Godard, em Nouvelle vague (1990).

Fontes:
Wikipédia - https://pt.wikipedia.org/wiki/Alain_Delon

Vampires Suck

Para quem assistiu e amou crepúsculo e o resto desses filminhos bestas de vampiros... UHAuHAuHAuHAuAh

DEMAISSSS!!!!

Serie - 10 Coisas - Banheiro Público

Já estava com saudades dessa série...

quarta-feira, setembro 29, 2010

Eleições 2010

Tiririca poderá fazer teste de escrita e leitura, diz promotor

O promotor Maurício Antonio Ribeiro Lopes, da 1ª Zona Eleitoral de São Paulo, pediu no último sábado autorização da Justiça  Eleitoral para fazer um teste hoje de escrita e leitura com o candidato a deputado federal Francisco Everardo Oliveira Silva, o palhaço Tiririca (PR). "Existe uma suspeita séria de que esse homem é analfabeto", afirmou. Se a Justiça determinar, o candidato terá de fazer um ditado e uma leitura de um trecho da Constituição. A lei eleitoral permite o voto dos analfabetos, mas proíbe a candidatura deles.

************

Comentário pessoal: EU RI! MUITO!
Afinal, estão com medo que ele seja eleito?
O congresso já é um circo, mais um palhaço no meio, não vai fazer muita diferença, vai?

Ao pé da Letra 5

Vergonha

Minha excentricidades são vergonhosas para muitos. Eu peso elas assim:
Fazem mal para os outros?
Se sim, não as farei. Se não, pode apostar que eu faço.
Vai me prejudicar?
Se física ou moralmente, prefiro não fazer. Se somente poderá me "prejudicar" por ser taxada de estranha, daí eu não estou nem aí e faço.
Sei que paço "vergonha" apenas por dizer que quero mudar o mundo, mas acreditar nos sonhos, é vergonhoso?

O que é vergonha pra mim?

Vergonha é deixar de fazer o que eu quero por causa do que os outros vão pensar.
Vergonha para mim, é ter medo de recomeçar.
Vergonhoso é calar quando devería falar.
Vergonha é não saber escutar as pessoas. (aqui eu passo vergonha...)
É deixar não aceitar as pessoas porque elas são diferentes.
É generalizar as coisas ruins e esquecer que existem coisas boas.
É não conseguir aprender com os próprios erros.
Vergonhoso é usar roupas ridículas e desconfortáveis só porque está na moda.
É dar mais valor ao ter do que ao ser.
Vergonha é não ter seu próprio estilo e ser apenas um produto do meio.
É não discutir política.

E eu como a maioria das pessoas, tento não passar vergonha.


Pelo dicionário:

ver.go.nha
sf (lat verecundia) 1 Pejo de ação feita contra o decoro, contra a decência. 2 Sentimento de desgosto que excita em nós a idéia ou o receio da desonra. 3 Rubor nas faces causado pelo pejo. 4 Timidez, acanhamento. 5 Ato indecoroso. 6 Opróbrio, desonra.

As pessoas...

Sabe uma coisa que notei nos últimos meses, comoas pessoas aqui são distantes. Elas são suas amigas, mas são totalmente individualistas. Custei a entender como isso pode funcionar. Porque, por mais que ela se de bem com você, é cada um na sua e tudo bem, se você invadir demais o espaço dela, as coisas já ão começam a ir tão bem assim.

Eu que venho de uma cidade que quando você tem amigos, são amigos pra caralh*!! Que pra eles "Mi casa és su casa!", é estranho chegar em um lugar que cada um tem o seu, cada um defende o seu, porque cada um é cada um e ponto final. Sinto falta dos meus amigos batendo na porta da minha casa, enquanto já abriam a porta e perguntavam o que tinha pra comer. Das tardes que juntamos as meninas para não fazer nada além de tirar foto e falar mal dos outros (vamos para o inferno meninas). Das vezes em que acordei pesoinhas (normalmente eu saia roxa).

As pessoas aqui são como...hummm... sabe que não me vem comparações na cabeça, porque elas são cordiais, são simpáticas, te tratam com respeito, mas nada além disso. Você passa 8 horas do lado de pessoas que você tem pouquissíma informação, e no final do dia se dá conta que nem conhece!

Então por mais pessoas que tenham a minha volta. Me sinto muitas vezes sozinha. Porque se algo acontecer comigo, eu não tenho pra onde correr, eu não saberia o que fazer. Penso que nada pode dar errado, que tenho e sempre vou ter o Jaques ao meu lado, e reso para que isso sempre seja verdade, pois eu não quero mais viver sem ele. Mas muitas vezes tenho que afastar o medo de mim.

POR QUE A MULHER ERA ARRASTADA PELOS CABELOS?

terça-feira, setembro 28, 2010

Together

 Eu tentei achar palavras para te dizer.
Tentei buscar coisas boitas para te reconfortar.
Não quero que se sinta sozinho.
Quero que esteja sempre ao meu lado.
Vou te proteger de todos os perigos.
Nenhum pesadelo irá te assombrar a noite.

............

Estava procurando as palavras, e encontrei uma música, que diz talvez o que eu gostaria de cantar para você

Better Together

Jack Johnson

There's no combination of words I could put on the back of a postcard
No song that I could sing but I can try for your heart
Our dreams and they are made out of real things
Like a shoebox of photographs with sepia-toned loving
Love is the answer at least for most of the questions in my heart
Why are we here? And where do we go? And how come it's so hard?
It's not always easy and sometimes life can be deceiving
I'll tell you one thing, it's always better when we're together
Hum it's always better when we're together
Yeah we'll look at the stars when we're together
Well it's always better when we're together
Yeah it's always better when we're together
And all of these moments just might find their way into my dreams tonight
But I know that they'll be gone when the morning light sings
Or brings new things for tomorrow night you see
That they'll be gone too, too many things I have to do
But if all of these dreams might find their way into my day to day scene
I'd be under the impression I was somewhere in between
With only two, just me and you, not so many things we got to do
Or places we got to be we'll sit beneath the mango tree now
Yeah it's always better when we're together
Hum we're somewhere in between together
Well it's always better when we're together
Yeah it's always better when we're together
I believe in memories they look so, so pretty when I sleep
And now when, when I wake up you look so pretty sleeping next to me
But there is not enough time
And there is no song I could sing
And there is no combination of words I could say
But I will still tell you one thing
We're better together

As Mulheres conquistando o mundo...

As mulheres fazem a diferença numa relação...

Numa ocasião, o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, saiu para jantar com sua esposa, Michelle,  e foram a um restaurante não muito luxuoso, porque queriam fazer algo diferente e sair da rotina. Estando sentados à sua mesa no restaurante, o dono pediu aos guarda-costas para aproximar-se e cumprimentar a primeira dama,  e assim o fez.
Quando o dono do restaurante se afastou, Obama perguntou a Michelle: Qual é o interesse deste homem em te cumprimentar?
Michele respondeu: Acontece, que na minha adolescência, este homem foi muito apaixonado por mim durante muito tempo.
Obama disse então: Ah, quer dizer que se você tivesse se casado com ele, hoje você seria dona deste restaurante?
Michelle respondeu: Não, meu querido, se eu tivesse me casado com ele, hoje ele seria o Presidente dos Estados Unidos.


Não sei se é verídica essa história, mas que eu acredito nela, isso sim!

segunda-feira, setembro 27, 2010

Enfim o meu amor chegou...

At Last

At last my love has come along
My lonely days are over
And life is like a song

Ohh yeah yeah
At last
the skies above are blue
My heart was wrapped up in clover
The night I looked at you

I found a dream, that I could speak to
A dream that I can call my own
I found a thrill to press my cheek to
A thrill that I have never known

Ohh yeah yeah…
You smile, you smile
oh And then the spell was cast
And here we are in heaven
For you are mine at last
 

sexta-feira, setembro 24, 2010

Lindo!

Melhor mistura que existe...

ITALIANO com ALEMÃO!!!!

Vergonhoso!

ZELADOR QUE PEDIU PARA SER DEMITIDO

Interessante e verídico!!!

O zelador de 1 prédio em Natal/RN , pediu à administração do condomínio onde trabalhava que o demitissem.

Contou o motivo; tem dois cunhados desempregados, lá mesmo em Natal, e que, por conta da Bolsa Escola, Cartão Cidadão, Cartão Alimentação, Vale Gás, Transporte Gratuito, Vale-Refeição (acreditem - Vale-refeição) e demais benefícios do nosso governo, dadas a título de esmola, vivem melhor que ele.

Aí paramos e fomos fazer umas continhas:
1. Bolsa escola - R$ 175 para cada filho que freqüente as aulas (2 filhos) ......... = R$ 350,00 (em dinheiro)
2. Cartão cidadão (cujo intuito é restituir a cidadania) ............... = R$ 350,00 (em dinheiro)
3. Vale gás (um por mês) ............................. = R$ 70,00
4. Transporte (calculamos 4 passagens diárias, que é uma boa média) R$8,00/dia x 20 dias . = R$ 160,00
5. Vale refeição (um por dia) R$ 3,50/dia x 30 dias x 4 pessoas (ele a Esposa e os dois filhos) = R$ 420,00

Total em dinheiro ..................... = R$ 700,00
Total em vales....................... = R$ 650,00
Total mensal ....................... = R$ 1.350,00
Meu Deus!!!! Quanto VC ganha por mêsTRABALHANDO????

Obs.1 : O salário do zelador acrescido de horas extras e tudo mais girava em torno de R$ 830,00/mês.
Obs.2: Tudo isso é o estabelecido pela *LEI No 10.836, de 09 DE JANEIRO DE 2004*.

Duvida (?????) , então consulte:
http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_Ato2004-2006/2004/Lei/L10.836.htm

Como o zelador tem três filhos em idade escolar, para ele é vantajoso ficar desempregado e ter esses benefícios. Seu 'salário desemprego' irá girar em torno de R $ 1.525,00, quase o dobro do que ganha trabalhando.

Como diria o Boris Casoy (expurgado da TV por se opor ao Lula, agora na TV BANDEIRANTES): 'ISTO É UMA VERGONHA!'.

Sabe quem paga por isso?

'NÓS', os 'OTÁRIOS'

Distribuir a renda, correto, mas isso é ESMOLA em exagero e o pior com o nosso suor.


PORTANTO MEUS AMIGOS;"Trabalhem duro porque milhões de pessoas que vivem do Fome-Zero e do Bolsa-Família, sem trabalhar, dependem de você."



AHHH! E agora também vai ter a Bolsa- Celular e a Bolsa Cultura
( R$ 50,00 por mês para irem ao cinema!!!!)!!!!!

REPASSEM URGENTE ANTES DAS ELEIÇÕES, AINDA HÁ TEMPO, PARA CORTAR O MAL...

quinta-feira, setembro 23, 2010

Aos olhos da justiça

Ao olhar essa imagem eu fiquei me questionando.
De que lado está a justiça?
O que é realmente o justo?
Crimes de guerra, realmente são crimes?
Se Hitler tivesse vencido a guerra, haveriam culpados, ou seriam condecorados?
De quem é a verdade? Afinal, ela está nos olhos de quem vê?

Minha mãe certa vez me falou: Existem 3 verdades, a sua, a do outro e a verdade e essa, jamais se saberá com certeza.

quarta-feira, setembro 22, 2010

Tabela de Obrigações

Tabela que eu fiz com as primeiras Obrigações (art. 233 e seguintes)
Ela está bem fácil de entender e com os artigos...

Divirtam-se:
CLIQUE AQUI >>> TABELA DE OBRIGAÇÕES

terça-feira, setembro 21, 2010

EU!

Está vendo aquela bolinha amarela ali no meio??
Então... sou eu!







Estou tentando ver como faço para mandar imagem por e-mail para o meu blog... então...se não deu certo. Por favor me avisem...ou deem risada comigo...

hahhahha...

Meu novo animal!

E só para animar o dia. Meu próximo aninal de estimação:



Uma tartaruga ninja!

O que? Não gostou? Vai dizer que você também não quer ter uma dessas?!

segunda-feira, setembro 20, 2010

Sobre mim

Nossa. Hoje resolvi fazer um post sobre mim. Assim, simples, ou melhor sobre meu dia hoje.

Eu cheguei na Associação e já liguei para o Diretor, afinal preciso receber uns cheques e valores que já estão atrasados, adivinha? Ele não foi para a Empresa dele, porque estava com dor de garganta. Tudo bem então. Não tem problema, se algo der errado a culpa vai ser minha mesmo.

Daí quando olhei para o computador (mais ou menos uns 15 minutos depois que eu cheguei) ele ainda estava ligando. Depois de colocar um pouco mais de lenha nele, abri o Outlook, e comecei a ler os e-mails. Isso me deu tanto sono, mas tanto sono, que tive que escorar minha cabeça na minha mão para que ela não caísse em cima do teclado.

Aí então, vencendo o meu sono misturado com preguiça, resolvi pegar um café, como de praxe coloquei uma colherzinha de açúcar para meu copo de café, e logo achei estranha a coloração dele. Quando provei... eca! CHAFÉ!!!! Minha nossa que café fraco, acho que como hoje tem reunião da diretoria eles passaram mais de uma vez no mesmo pó...só pode! Então notei que hoje a moça do café era outra. Para o meu azar.

Então pensei comigo, talvez se eu tomar esse café todo de uma vez ele pareça mais forte. Sabe aqueles pensamentos idiotas que você tem quando está com sono? Pois bem, tomei de uma vez... as consequências? Duas: uma queimadura na língua e um soluço infernal. (quem já me viu com soluço sabe como meu soluço é ridiculamente alto e como eu fico pulando parecendo que to levando choques...)

E isso tudo aconteceu entre as 14:00 e 14:58...

Mas vamos falar um pouco sobre minha manhã. Dormi bem, apesar de não ser na minha cama, dormi na casa da minha sogra, mais especificamente na cama da minha cunhada, é uma cama de mola, não é ruim mais amo minha cama de espuma semi-ortopédica, densidade 45! Ela é ótima, eu durmo tão bem nela. Mas essa manhã meu ilustríssimo acordou cedo, não conseguiu dormir e eu numa situação de quase acordada ainda dormindo, fui girada de uma lado para o outro enquanto ele me abraçava como se eu fosse um ursinho de pelúcia.

Nada contra, nada mesmo! Adoro ele me abraçando, me apertando, me beijando, mas eu estava em um estado de tão semi-consciencia que mal conseguia abrir os olhos e quando eu conseguia abrir (essa era a melhor parte), eu via ele olhando para mim com um sorrido tão gostoso! Que eu tive até vontade de acordar, mas estava com uma preguiça enorme, apenas abraçava ele e deixava ele me esmagar mais um pouquinho...hehehehe... ADORO!

Depois fomos e voltamos em uma odisséia em busca da terra do nunca, levamos o quadro da moto em uma tornearia, mas esquecemos as pedaleiras, fomos regular as válvulas do carro, mas isso demorou muuuuuuuiiiiiitoooooo... depois formos pegar os documentos (não esquece de pegar os documentos!) e voltamos na tornearia, acho que o cara da tornearia já deve estar de saco cheio da gente, fomos lá umas 10 vezes e eu não faço idéia de quantas vezes o Jaques ligou lá! Aposto que ele vai fazer um trabalho bem feito, só para não ver nossa fuça de novo!

Voltamos para casa abaixo de uma chuva torrencial, eu estava quase sugerindo desligar o carro e pegar um remo, afinal é fibra mesmo! Chegamos em casa e fiz um almoço em 15 minutos! Isso mesmo uma macarronada! Tá certo, o molho já estava pronto... Era só cozinhar o macarrão.

Se você leu até aqui... que dó de você! Que pessoa mais empenhada em saber como foi meu dia! Ou será que é só para poder fofocar depois? Sei não, hein!

Pelo menos escrevendo um pouco passou o sono, tenho que estudar para uma prova meio complicada, logo no primeiro horário, ainda bem que tenho uns trocados na carteira, assim tomo um energético antes de chegar na Universidade.

Valeu amorzinho, o que seria de mim sem você???



sábado, setembro 18, 2010

Viver ou juntar dinheiro?

Há determinadas mensagens que, de tão interessantes, não precisam nem sequer de comentários. Como esta, que recebi certa vez.

Abre aspas.
Li em uma revista um artigo no qual jovens executivos davam receitas simples e práticas para qualquer um ficar rico. Aprendi, por exemplo, que se tivesse simplesmente deixado de tomar um cafezinho por dia, nos últimos quarenta anos, teria economizado 30 mil reais. Se tivesse deixado de comer uma pizza por mês, 12 mil reais.

E assim por diante. Impressionado, peguei um papel e comecei a fazer contas. Para minha surpresa, descobri que hoje poderia estar milionário. Bastaria não ter tomado as caipirinhas que tomei, não ter feito muitas das viagens que fiz, não ter comprado algumas das roupas caras que comprei. Principalmente, não ter desperdiçado meu dinheiro em itens supérfluos e descartáveis. Ao concluir os cálculos, percebi que hoje poderia ter quase 500 mil reais na conta bancária. É claro que não tenho esse dinheiro. Mas, se tivesse, sabe o que esse dinheiro me permitiria fazer?

Viajar, comprar roupas caras, me esbaldar em itens supérfluos e descartáveis, comer todas as pizzas que quisesse e tomar cafezinhos à vontade. Por isso, me sinto muito feliz em ser pobre. Gastei meu dinheiro com prazer e por prazer. E recomendo aos jovens e brilhantes executivos que façam a mesma coisa que fiz. Caso contrário, chegarão aos 61 anos com uma montanha de dinheiro, mas sem ter vivido a vida.
Fecha aspas

(Max Gehringer)

Créditos: Para minha amiga Scheilinha que me mandou por e-mail!

quinta-feira, setembro 16, 2010

Das coisas

Das coisas que eu poderia pensar, eu pensei no tempo. Pensei em como ele passava devagar a minha janela, em como o dia jamais chegava ao fim. Eu podia conquistar o mundo em um só dia, e ao anoitecer devolver para os meus sonhos. Lembrei de frases ditas, de textos apagados, de papéis amassados. Descobri que tempo não se tem, se tira. Que o pensamento é mais rápido do que as palavras, mas sempre dizemos sem pensar.

Das coisas que eu podia ter dito, eu podia ter me calado. Ouvir mais, e falar menos, temos apenas uma boca e dois ouvidos. E ainda não consegui aprender. Me falaram, eu ouvi, mas talvez eu não tenha entendido a verdade. Eu falei, mas não contei o que realmente se passa em minha alma, dos verdadeiros espinhos que as vezes me fazem acordar e dissipam o sono. Das frases mal ditas e pouco compreendidas, do medo do escuro.

Das coisas que eu poderia ter feito, eu fiz. Mas será que foi tudo? Será que não me faltou esforço? Será que não deixei algo inacabado em meu passado, que ainda me clama por respostas?

De todas as coisas...
                       ...és a melhor.

******

PS.: Testando a publicação via e-mail.

quarta-feira, setembro 15, 2010

Círculo Hermenêutico

O círculo hermenêutico é o “conceito-chave” da hermenêutica moderna. Sendo que ele vem sistematizar o processo de compreensão e interpretação. É a regra segundo a qual é necessário compreender o todo de um texto a partir  das suas partes e estas  a partir do todo. Sendo o sentido algo que ultrapassa o texto. Parte-se então do pressuposto de que parte do conhecimento já está no leitor. Há uma relação entre o texto e o interprete e essa relação é o que dá coerência e sentido ao texto.

segunda-feira, setembro 13, 2010

Isso é que é banda larga

Isso é que é banda larga

Europa tem plano para que seus cidadãos tenham internet superveloz até 2020. No Brasil, projeto prevê conexão quase 40 vezes mais lenta

Por Bruno Galo
O Velho Continente, como é conhecida a Europa, quer se ligar em alta velocidade à internet. Na semana passada, a União Europeia anunciou um ousado e bilionário plano para levar banda larga para todos os seus cidadãos até 2013.
Com investimentos que podem chegar a até R$ 120 bilhões, o objetivo é que os usuários tenham conexões com velocidades de 30 Mbps em 2020. Com isso, um internauta poderia baixar um filme pela internet, por exemplo, em poucos minutos. O dinheiro virá do Banco Europeu de Investimentos, que deverá financiar empresas privadas. Serão elas que vão levar o serviço para o consumidor. 
 
 
A comparação do projeto europeu com o brasileiro é inevitável. No Brasil, o governo federal ressuscitou a Telebrás para ser a gestora do Plano Nacional de Banda Larga (PNBL). 
 
Cercado de muita polêmica e de denúncias de favorecimento de pessoas ligados ao Planalto, o objetivo é que a estatal administre uma infraestrutura de 30 mil quilômetros de fibras ópticas. 
 
Ela venderá banda para provedores de internet e só atuará no varejo em que não houver competidores, assegura Rogério Santanna, presidente da companhia. A meta é atingir cerca de 65% dos domicílios brasileiros até 2014 com velocidades de até 784 kbps, quase 40 vezes menor do que a Europa pretende ofertar aos seus cidadãos. 
 
“O Brasil precisa oferecer uma banda larga mínima para todos, para daí buscar metas mais elevadas”, pondera Eduardo Tude, presidente da consultoria de telecomunicações Teleco. 
 
Os investimentos de R$ 12,3 bilhões, previstos no projeto nacional, sairão dos cofres públicos, por meio da capitalização da Telebrás e de desonerações fiscais. 
 
 
 
O que é comum, tanto no Brasil como na Europa, é a necessidade de investir em banda larga. O Banco Mundial fez estudo em que concluiu que, quando há um aumento de 10% das conexões de internet rápida, o PIB de um país cresce 1,3%. 
 
É consenso também que os preços deste serviço precisam baixar. Levantamento da União Internacional de Telecomunicações mostra que o consumidor do Brasil desembolsa 4,5% de sua renda mensal, uma das mais altas taxas do mundo.

Fonte: Isto é Dinheiro

sexta-feira, setembro 10, 2010

ELE me faz tão bem!


Vou modificar um pouquinhoi a letra, pois é em homenagem a quem me faz tão bem!

Ela me faz tão bem

Jota Quest

Composição: Lulu Santos

Ele me encontrou
Eu tava por aí
Num estado emocional tão ruim
Me sentindo muito mal
Perdida, sozinha
Errando de bar em bar
Procurando não achar

Ele demonstrou tanto prazer em estar em minha
companhia
Eu experimentei uma sensação que até então não
conhecia
De se querer bem, de se querer quem se tem

Ele me faz tão bem
Ele me faz tão bem
Que eu também quero fazer isso por ele
Ele me faz tão bem
Ele me faz tão bem
Que eu também quero fazer isso por ele

terça-feira, setembro 07, 2010

Say You Will

Hola!


O deus do shuffle escolheu uma música que ofereço a você:


Mick Jagger - Say You Will


;-)
Beeeijo!



Mick Jagger - Say You Will
Enviado por jpdc11. - Buscar outros videos de Musica.

Say You Will

Mick Jagger

Cast all your fears aside
And say you will, say you will be mine
And stay with me until the end of time
And help me, help me grind this mill of life
Please, say you will, say you will be mine
And times and customs may change
And life may get dizzy
My heart is deep in the country
But I live for the city
Chasing those greenfields
That lie just over the hill
Isn't it time that I rested
Time to stand still

I need a lover surely as I need a friend
Someone whose laughter I'll lean on
To tie our lives together

Cast all your fears aside
And say you will, say you will be mine
And love me, until the end of time
And help me, help me grind this mill of life
And say you will, say you will

We're on a ship out to sea
And it's stormy weather
Why don't you promise to me
Devotion forever
The hillsides are yellow and green
And the olives still bloom
We will make passionate love
By electrical moons

I need a lover surely as I need a friend
Someone whose laughter I'll lean on
To tie our lives together

Cast all your fears aside
And say you will, say you will be mine
And stay with me until the end of time
And help me, help me grind this mill of life
And say you will, say you will

Cast all your fears aside
Say you will
Cast all your fears aside
Say you will
You make my heart come alive
Say you will
Help me, help me, help me
Help me grind this mill
Grind this mill of life
Say you will
Say you will be mine
Say you will
Say you will be mine

sábado, setembro 04, 2010

Foi quando percebi...

borboleta

Foi quando eu percebi que tínhamos os mesmos medos. Temos o medo de perder um ao outro. Medo de novamente sofrer com a solidão. Não sei como lhe dizer em palavras, pois elas não conseguem expressar a gratidão que eu sinto por ter você ao meu lado. Por ter me ensinado a preciosidade que a vida trás.

Foi assim que notei a insegurança que trago comigo, não insegurança do que eu quero, dos meus sonhos e de quem eu sou, mas a insegurança que transmito a você. Foi por mim despercebida essa possibilidade, como sou ingênua. Vim de um lugar distante, vim atrás de um sonho, vim atrás de felicidade, mas apenas analisei as consequências que isso traria para a minha vida. Não fui capaz de analisar o que as pessoas que estavam me recebendo pensariam ao meu respeito. Achei que as pessoas podiam ver o meu coração e minha alma, mas não podem.

Elas assim como todos tem medo. Medo do incerto, medo do diferente, medo de amar, medo de perder, medo de chorar, só nunca admitem isso. Antes eu pensava não ter medo, queria viver minha vida, tentava ver a vida atravéz dos olhos de outras pessoas, mas parei com isso quando percebi que não se esforçavam, nem um pouquinho, para ver a vida atravéz de meus olhos.

Qual é o pecado que cometo por ser intensa? Qual a minha punição por querer mudar? Que castigo receberei por tentar recomeçar? Serei julgada por sonhar? Serei sim, culpada por viver a minha vida e amar intensamente.

Dica 01

sexta-feira, setembro 03, 2010

O FRASCO DE MAIONESE E CAFÉ

Quando as coisas na vida parecem demasiado, quando 24 horas por dia não são suficientes...

Lembre-se do frasco de maionese e do café.


Um professor, durante a sua aula de filosofia sem dizer uma palavra, pega num frasco de maionese e esvazia-o... tirou a maionese e encheu-o com bolas de golf.

A seguir perguntou aos alunos se o Frasco estava cheio. Os estudantes responderam sim.

Então o professor pega numa caixa cheia de pedrinhas e mete-as no frasco de maionese. As pedrinhas encheram os espaços vazios entre as bolas de golf.

O professor voltou a perguntar aos alunos se o frasco estava cheio, e eles voltaram a dizer que sim.

Então...o professor pegou noutra caixa...uma caixa cheia de areia e esvaziou-a para dentro do frasco de maionese. Claro que a areia encheu todos os espaços vazios e uma vez mais o professor voltou a perguntar se o frasco estava cheio. Nesta ocasião os estudantes responderam em unânime "Sim!".


De seguida o professor acrescentou 2 xícaras de café ao frasco e claro que o café preencheu todos os espaços vazios entre a areia. Os estudantes nesta ocasião começaram a rir-se...mas repararam que o professor estava sério e disse-lhes:


'QUERO QUE SE DÊEM CONTA QUE ESTE FRASCO REPRESENTA A VIDA'.


As bolas de golf são as coisas Importantes:

como a FAMÍLIA, a SAÚDE, os AMIGOS, tudo o que você AMA DE VERDADE.

São coisas, que mesmo que se perdessemos todo o resto, nossas vidas continuariam cheias.


As pedrinhas são as outras coisas que importam como: o trabalho, a casa, o carro, etc.

A areia é tudo o demais, as pequenas coisas.


'Se puséssemos 1º a areia no frasco, não haveria espaço para as pedrinhas nem para as bolas de golf.


'O mesmo acontece com a vida'.


Se gastássemos todo o nosso tempo e energia nas coisas pequenas, nunca teríamos lugar para as coisas realmente importantes.

Preste atenção às coisas que são cruciais para a sua Felicidade.

Brinque ensinando os seus filhos,


Arranje tempo para ir ao medico,

Namore e vá com a sua/seu namorado(a)/marido/mulher jantar fora,

Dedique algumas horas para uma boa conversa e diversão com seus amigos

Pratique o seu esporte ou hobbie favorito.


Haverá sempre tempo para trabalhar, limpar a casa, arrumar o carro...

Ocupe-se sempre das bolas de golf 1º, que representam as coisas que realmente importam na sua vida.


Estabeleça suas prioridades, o resto é só areia...

Porém, um dos estudantes levantou a mão e perguntou o que representaria, então, o café.

O professor sorriu e disse:


"...o café é só para vos demonstrar, que não importa o quanto a nossa vida esteja ocupada, sempre haverá espaço para um café com um amigo. "

quinta-feira, setembro 02, 2010

160 anos de Blumenau!



História do Município


A região de Blumenau era habitada por índios Kaigangs, Xoklengs e Botocudos e, mesmo antes da fundação da Colônia Blumenau, já havia famílias estabelecidas na região de Belchior, nas margens do ribeirão Garcia e do rio Itajaí-Açu.



Em 1850, o filósofo alemão Dr. Hermann Bruno Otto Blumenau obteve do Governo Provincial uma área de terras de duas léguas para estabelecer uma colônia agrícola, com imigrantes europeus.


Em 2 de setembro de 1850, dezessete colonos chegaram ao local onde hoje se ergue a cidade de Blumenau. Muitos outros imigrantes atravessavam o Oceano Atlântico em veleiros de companhias particulares. E assim foi crescendo o número de agricultores, povoadores e cultivadores dos lotes, medidos e demarcados ao longo dos rios e ribeirões que banhavam o território da concessão.


No princípio, a Colônia era de propriedade do fundador, Dr. Blumenau. Em 1860 o Governo Imperial encampou o empreendimento e Dr. Blumenau foi mantido na direção até a elevação da colônia à categoria de município, em 1880. Em poucos anos, Dr. Blumenau, dotado de grande energia e tenacidade, fez da colônia um dos maiores empreendimentos colonizadores da América do Sul, criando um importante centro agrícola e industrial influente na economia do País.


Herança da história de sua colonização, a microrregião de Blumenau possui costumes e tradições únicos. Colonizada no início por alemães, seguidos de italianos e poloneses, também recebeu habitantes do Vale do Rio Tijucas, descendentes de portugueses. Mesmo assim, as cidades da microrregião incorporaram principalmente a cultura alemã e italiana.


A Lei nº 860, de 4 de fevereiro de 1880, elevou a colônia à categoria de município. Entretanto, em outubro, uma grande enchente causou sérios prejuízos à população e à administração pública, com a destruição de pontes e estradas. Após isso, a instalação do município só foi possível em 10 de janeiro de 1883, quando assumiu o exercício a Câmara Municipal eleita no ano anterior. Em seguida, o município recebeu o título de Comarca (1886) e, finalmente, em 1928, passou à categoria de Cidade.


Até 1934 o território de Blumenau somava 10.610 km². Hoje se resume a 519,8 km². Trinta e oito novos municípios resultaram de sucessivos desmembramentos. Estes, em conjunto com Blumenau, compõe essa próspera região do Estado de Santa Catarina.


Fonte: Site da Prefeitura de Bnu

quarta-feira, setembro 01, 2010

TORRADAS QUEIMADAS!



Quando eu ainda era um menino, ocasionalmente, minha mãe gostava de fazer um lanche, tipo café da manhã, na hora do jantar. E eu me lembro especialmente de uma noite, quando ela fez um lanche desses, depois de um dia de trabalho, muito duro.

Naquela noite longínqua, minha mãe pôs um prato de ovos, linguiça e torradas bastante queimadas, defronte ao meu pai. Eu me lembro de ter esperado um pouco, para ver se alguém notava o fato. Tudo o que meu pai fez, foi pegar a sua torrada, sorrir para minha mãe e me perguntar como tinha sido o meu dia, na escola.

Eu não me lembro do que respondi, mas me lembro de ter olhado para ele lambuzando a torrada com manteiga e geléia e engolindo cada bocado. Quando eu deixei a mesa naquela noite, ouvi minha mãe se desculpando por haver queimado a torrada. E eu nunca esquecerei o que ele disse:

" - Amor, eu adorei a torrada queimada... só porque veio de suas mãos"

Mais tarde, naquela noite, quando fui dar um beijo de boa noite em meu pai, eu lhe perguntei se ele tinha realmente gostado da torrada queimada. Ele me envolveu em seus braços e me disse:

" - Companheiro, sua mãe teve um dia de trabalho muito pesado e estava realmente cansada... Além disso, uma torrada queimada não faz mal a ninguém. A vida é cheia de imperfeições e as pessoas não são perfeitas. E eu também não sou o melhor marido, empregado, ou cozinheiro!"

O que tenho aprendido através dos anos é que saber aceitar as falhas alheias, escolhendo relevar as diferenças entre uns e outros, é uma das chaves mais importantes para criar relacionamentos saudáveis e duradouros.

Desde que eu e sua mãe nos unimos, aprendemos, os dois, a suprir um as falhas do outro. Eu sei cozinhar muito pouco, mas aprendi a deixar uma panela de alumínio brilhando, ela não sabe usar a furadeira, mas após minhas reformas, ela faz tudo ficar cheiroso, de tão limpo. Eu não sei fazer uma lasanha de frios como ela, mas ela não sabe assar uma carne como eu. Eu nunca soube fazer você dormir, mas comigo você tomava banho rápido, sem reclamar e brincávamos juntos durante este tempinho, com sua mãe você chorava, pelo shampoo, pelo pentear, etc

A soma de nós dois monta o mundo que você recebeu e que te apoia, eu e ela nos completamos. Nossa família deve aproveitar este nosso universo enquanto temos os dois presentes. Não que mais tarde, o dia que um partir, este mundo vá desmoronar, não vai, novamente teremos que aprender e nos adaptar para fazer o melhor.

De fato, poderíamos estender esta lição para qualquer tipo de relacionamento: entre marido e mulher, pais e filhos, irmãos, colegas e com amigos.

Não ponha a chave de sua felicidade no bolso de outra pessoa, mas no seu próprio.