segunda-feira, setembro 20, 2010

Sobre mim

Nossa. Hoje resolvi fazer um post sobre mim. Assim, simples, ou melhor sobre meu dia hoje.

Eu cheguei na Associação e já liguei para o Diretor, afinal preciso receber uns cheques e valores que já estão atrasados, adivinha? Ele não foi para a Empresa dele, porque estava com dor de garganta. Tudo bem então. Não tem problema, se algo der errado a culpa vai ser minha mesmo.

Daí quando olhei para o computador (mais ou menos uns 15 minutos depois que eu cheguei) ele ainda estava ligando. Depois de colocar um pouco mais de lenha nele, abri o Outlook, e comecei a ler os e-mails. Isso me deu tanto sono, mas tanto sono, que tive que escorar minha cabeça na minha mão para que ela não caísse em cima do teclado.

Aí então, vencendo o meu sono misturado com preguiça, resolvi pegar um café, como de praxe coloquei uma colherzinha de açúcar para meu copo de café, e logo achei estranha a coloração dele. Quando provei... eca! CHAFÉ!!!! Minha nossa que café fraco, acho que como hoje tem reunião da diretoria eles passaram mais de uma vez no mesmo pó...só pode! Então notei que hoje a moça do café era outra. Para o meu azar.

Então pensei comigo, talvez se eu tomar esse café todo de uma vez ele pareça mais forte. Sabe aqueles pensamentos idiotas que você tem quando está com sono? Pois bem, tomei de uma vez... as consequências? Duas: uma queimadura na língua e um soluço infernal. (quem já me viu com soluço sabe como meu soluço é ridiculamente alto e como eu fico pulando parecendo que to levando choques...)

E isso tudo aconteceu entre as 14:00 e 14:58...

Mas vamos falar um pouco sobre minha manhã. Dormi bem, apesar de não ser na minha cama, dormi na casa da minha sogra, mais especificamente na cama da minha cunhada, é uma cama de mola, não é ruim mais amo minha cama de espuma semi-ortopédica, densidade 45! Ela é ótima, eu durmo tão bem nela. Mas essa manhã meu ilustríssimo acordou cedo, não conseguiu dormir e eu numa situação de quase acordada ainda dormindo, fui girada de uma lado para o outro enquanto ele me abraçava como se eu fosse um ursinho de pelúcia.

Nada contra, nada mesmo! Adoro ele me abraçando, me apertando, me beijando, mas eu estava em um estado de tão semi-consciencia que mal conseguia abrir os olhos e quando eu conseguia abrir (essa era a melhor parte), eu via ele olhando para mim com um sorrido tão gostoso! Que eu tive até vontade de acordar, mas estava com uma preguiça enorme, apenas abraçava ele e deixava ele me esmagar mais um pouquinho...hehehehe... ADORO!

Depois fomos e voltamos em uma odisséia em busca da terra do nunca, levamos o quadro da moto em uma tornearia, mas esquecemos as pedaleiras, fomos regular as válvulas do carro, mas isso demorou muuuuuuuiiiiiitoooooo... depois formos pegar os documentos (não esquece de pegar os documentos!) e voltamos na tornearia, acho que o cara da tornearia já deve estar de saco cheio da gente, fomos lá umas 10 vezes e eu não faço idéia de quantas vezes o Jaques ligou lá! Aposto que ele vai fazer um trabalho bem feito, só para não ver nossa fuça de novo!

Voltamos para casa abaixo de uma chuva torrencial, eu estava quase sugerindo desligar o carro e pegar um remo, afinal é fibra mesmo! Chegamos em casa e fiz um almoço em 15 minutos! Isso mesmo uma macarronada! Tá certo, o molho já estava pronto... Era só cozinhar o macarrão.

Se você leu até aqui... que dó de você! Que pessoa mais empenhada em saber como foi meu dia! Ou será que é só para poder fofocar depois? Sei não, hein!

Pelo menos escrevendo um pouco passou o sono, tenho que estudar para uma prova meio complicada, logo no primeiro horário, ainda bem que tenho uns trocados na carteira, assim tomo um energético antes de chegar na Universidade.

Valeu amorzinho, o que seria de mim sem você???



Nenhum comentário:

Postar um comentário