sexta-feira, maio 07, 2010

Soneto do Amor Total

4 comentários:

  1. Amo-te como um bicho...sabe, sedento por carne... acho que você entendeu...só tá zuando comigo (não sei porque eu tenho essa impressão, né?)... E eu não sei porque eu to explicando (talvez porque eu te amo?)...acho melhor eu mostrar pra você o que esse poema quer dizer (conforme Aristóteles o aprendizado vem com o fazer, então...)

    ResponderExcluir
  2. hehehe...olha, olha...hehehehe...Te amo muito!

    ResponderExcluir