sexta-feira, dezembro 18, 2009

Dark Angel

A noite é longa e quando me tocas sinto arder em meu peito coisas que eu nem sabia que existiam. Queimo por dentro como a chama de mil sóis. Quero me esquentar em seus braços enquanto sua vida é sugada pela minha constante vontade de você. ao te esqueço nenhum segundo, vou ao céus com um beijo. O inferno não é mais quente do que eu posso ser. Seus desejos tão picantes quanto os meus são como o doce mel que escorre por minha boca ao encontrar a sua.

Arranhando intenções malvadas e deslisando os corpos em um inconstante designio do destino. Não mais tenho uma sina, pois nada mais é impossível para quem aprendeu a voar em seus braços. O laço que nos ata não existe, pois não te prendo a mim assim como não me prendes a você, é o querer que nos torna um só, é o querer que nos faz permanecermos juntos.

Meus segredos foram revelados e arrancados de minha alma no momento em que me rendeu de frente a uma parede. Que de sólida tornou-se macia. Nada mais é o que parece ser. Quando os sonhos possíveis se tornam. Mordi a maça da verdade e mesmo assim vejo que tudo isso é real. Está aqui. É só você me querer, é só você me ter por completo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário